segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Duatlo de Arronches 2012 - Balanço

A equipa do Ateneu Artístico Cartaxense. Pela primeira vez esta época, viajámos muitos e durante muito tempo, sempre com ambiente muito agradável. Para repetir!
"Ora puxas tu, ora puxo eu" com o Diogo Rosa do Núcleo Sportinguista da Golegã, sempre com muitos e rasgados sorrisos à mistura.







 
Até parece que não custa nada...
A sair apressado para a última volta ao barril.










  
E quanto ao balanço do assunto, a verdade é que após 5 voltas ao barril - infelizmente, como se provou uma vez mais, este tipo de percursos é obsoleto e perigoso no ciclismo -, o motor diesel demorou a arrancar e encontrar o ritmo certo na primeira corrida, passando por um ciclismo, diria, interessante e prometedor, para terminar com uma segunda corrida consistente, sem acusar demasiado o aquecimento do motor enquanto pedalava.

Aos poucos, e com uma gestão criteriosa da motivação, do tempo disponível e dos objetivos, o processo de treino está a evoluir bem. Só falta mais uma prova para terminar a minha pré-temporada de 2012. Depois, se verá se avanço...para a frente.

Resumo daqueles belos momentos de diversão:
1. Corrida (5 kms): 17'59", 46º parcial;
2. Ciclismo (20 kms), 32'39", 11º parcial;
3. Corrida (2,5 kms): 8'28", 35º parcial;
4. Tempo final: 59'07";
5. Classificação final absoluta: 32º lugar absoluto (218 duatletas na linha de partida e 214 duatletas na linha de meta);
6. Classificação final no escalão sénior: 15º classificado, em 72 participantes.
7. Classificação coletiva: 16º lugar (25 equipas pontuadas).
Mais informações em:

4 comentários:

Pedro Brandão disse...

Parabens Pedro.
Sempre em grande.

Hugo Gomes disse...

Esse motor diesel, com a afinação e a rodagem que lhe vais dar, certamente alcançará os objectivos! :)
Bons treinos!
Um abraço!

Anónimo disse...

Boas Pedro,
Estive a ver o video da Bike do Diogo Rosa e está espectacular, pena não haver mais gente a partilhar imagens e fotos das provas.
Parabens pelo resultado, ainda por cima tendo em conta as despesas do ciclismo que sempre és obrigado a suportar e que nunca te negas a elas.
Encontramo-nos em Ourém, mas nesta vou estar mais sossegadinho que não é habitat para mim.
Abraço.
Sapo da Barragem

Triatleta disse...

Obrigado a todos!

A troika mental começa a atacar-me, mas ainda vou resistindo aos cortes no orçamento desportivo :-)

Saúde e bons treinos!

Abraço.